terça-feira, 24 de maio de 2011

Sons do Amor



SONS DO AMOR






Amo-te agora sem pressa,

no aconchego do nosso leito,

luzes de velas acesas,

suave noite a cobrir o céu,



no sereno que nos aventura,

entre beijos enamorados,

sussurramos palavras,

gememos no mesmo tom.



Amo-te agora com pressa,

depois, deito sobre teu peito,

e apesar de tantas estrelas,

é o amor que se veste de véu,



nossa mais bela escultura,

corpos sedentos apaixonados,

num mesmo compasso, em brasas,

compõem o perfeito som.





Nice Aranha

Sereia Noturna

4 comentários:

selma disse...

...Amo-te agora sem pressa,

no aconchego do nosso leito,

luzes de velas acesas,

suave noite a cobrir o céu...
Suave assim como o amor...
Vim fazer uma visita e gostei...já estou seguindo...
beijos

Leonardo Batista disse...

Isso aqui é muito lindo!


bjs

Sereia Noturna disse...

Obrigada Léo e Selma!Bem vindos!

Pierre BOYER disse...

Very nice words...
Regards from France,

Pierre