quinta-feira, 28 de abril de 2011

Liberdade



LIBERDADE






Exata medida de proporcionalidade,

indiscutível sentença de imparcialidade,

processo de imensa verdade,

digna medida de executividade.



Permite-nos ser, em nossa totalidade,

amostra adequada de toda tonalidade,

com intensa e real profundidade,

não aceita qualquer indício de mediocridade.



Esta nobre e perfeita moralidade,

que nos permite ser, em qualquer idade,

é nossa mais completa felicidade,

ao permitir-nos a consciente maturidade,



de que somos também parte da sociedade,

nos limites honrosos da nossa hombridade,

onde estão presentes o eu e a civilidade,

permitindo-nos viver com a seriedade,



as margens de extrema pontualidade,

na certeza que verte total sagacidade,

explodindo e expandindo a mais pura verdade,

ponderando antes, para marcar a eternidade.





Nice Aranha
Sereia Noturna

Nenhum comentário: