terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Sereia-Mulher


--------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ -----------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ------
ﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ             ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ


Sereia-Mulher


Nadando entre as marés,
Sigo as ondas da vida.
Entre tempestades e calmarias,
Aprendo a tristeza e alegria.

Descendo às profundezas,
Busco o íntimo que guardas,
O espírito que não revelas,
A alma que tanto ocultas.

Subindo à tona percebo,
As atitudes e os gestos,
A beleza e vibrar dos corpos,
A energia e o prazer dispostos,

A entrega deste ato fatal,
Quando o encanto do canto,
Se revela e torna excepcional,
Dois num só, o amor infante.


Nice Aranha
Sereia Noturna


ﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ             ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ
--------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ -----------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ------

Um comentário:

Virginia Sousa disse...

Parabéns é uma visita muito agradável para quem se indentifica com o Mar como eu
Um abraço do Funchal
Virginia