sábado, 3 de março de 2012

Uma Carta ao Amor




UMA CARTA AO AMOR


O amor acontece quando menos esperamos... Para se ter uma relação com o amor, não há dúvidas... É quando não se precisa explicar, se entendem... É quando não precisam palavras, os gestos dizem tudo... É a própria verdade... O amor é felicidade... Ah, o amor, indescritível por meio de palavras, só se prova quando sentido... E desta forma, é validado e vivido... Amor que contagia e enriquece... Amor que se almeja, busca, anseia... Amor que se sente, transmite... Amor que nos dignifica... Amor, sentimento que nutro, valorizo... Amor, que por mais que descreva, nunca o expressarei com clareza... Imenso, intenso, amor, que se justifica, em cada momento, em cada instante, em cada atitude... Amor, amor, que se prega, aplica... Amor, que mais quero em minha vida?... Amor, apenas... Uma única sentença... Amor.


Nice Aranha
Sereia Noturna

2 comentários:

MOISÉS POETA disse...

Ah ! o amor...!
sem ele nós nada seriamos.

Beijo,querida !

osmar disse...

Lindo,lindo!!
Amor ! o bichinho danado né?!
um forte abraço e bjos.!
Feliz dias das mulheres!!