quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Lembrança Zero





LEMBRANÇA ZERO




Se das saudades ficam lembranças
são estas, que me ficam, a memória...
Deito-me e sonho, tal qual criança,
na inocência e vida, em trajetória.


Se das lembranças, só as saudades,
apertam o peito, e deitam às lágrimas,
terei sentido as dores e as felicidades,
que se deleitam na eternidade.


Mas se só saudades, são as verdades,
da esperança, não mais disponho,
serão fadonhas as realidades,
sem quaisquer lembranças - será medonho!




Nice Aranha
Sereia Noturna

5 comentários:

::::FER:::: disse...

Entendo sua dor , amiga, com o tempo ameniza , embora não cabe nunca, mas acreditamos que ela não deixou de existir , ela ainda existe, e estara melhor!

Sereia Noturna disse...

Obrigada pelo carinho Fer. Bjs

A VIDA É UM ETERNO APRENDIZADO disse...

Olá!
Quantas lembranças temos em nossa mente? Acredito que são infinitas,mas o que seríamos de nós sem elas?
Grande abraço
se cuida

Alysson Serrão disse...

As lembranças não podem ser usadas apenas para causar saudade! Lembranças devem marcar, construir e relembrar nossa vida.

Blog carregado de sentimento!
Beijo!

Jose Ramon Santana Vazquez disse...

mi proxima entrada tratará del mar
SEREIA y espero en breve ponerla
y que os guste.

...traigo
sangre
de
la
tarde
herida
en
la
mano
y
una
vela
de
mi
corazón
para
invitarte
y
darte
este
alma
que
viene
para
compartir
contigo
tu
bello
blog
con
un
ramillete
de
oro
y
claveles
dentro...


desde mis
HORAS ROTAS
Y AULA DE PAZ


COMPARTIENDO ILUSION
ONDAS DA POESIA

CON saludos de la luna al
reflejarse en el mar de la
poesía...




ESPERO SEAN DE VUESTRO AGRADO EL POST POETIZADO DE SIÉNTEME DE CRIADAS Y SEÑORAS, FLOR DE PASCUA ENEMIGOS PUBLICOS HÁLITO DESAYUNO CON DIAMANTES TIFÓN PULP FICTION, ESTALLIDO MAMMA MIA, TOQUE DE CANELA, STAR WARS,

José
Ramón...