sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Sedutor Amor


--------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ -----------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ------
ﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ             ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ


Sedutor Amor
 
 
Quando tua voz chegou até mim, teus murmuros ouvi,
Ah meu amado, depois nunca mais eu te esqueci!
Ao acaso um caso se estabeleceu, palavras, torturas...
Assim, a brincar e viver, fomos vivendo as aventuras.
 
Duas livres criaturas, de um lado a outro,
Na arte do encontro, um furo ou outro, de um pro outro.
Um passo à frente dois prá trás, o quê será que aconteceu?!
Mas, passando vem o tempo, o sentimento amadureceu.
 
Um novo momento, dentro de nós então se estabeleceu,
Se sonhos ou verdades, a mais sincera afinidade,
Peço a Deus a realidade, sentir, viver na infinidade,
Teu desejo ao meu, o meu ao teu, assim se prendeu.
 
Entregue a alma, pede o corpo, a chama cuide, acalente,
Pois é viril e intenso, de paixão sempre caliente,
Mas é forte e arrebatador, o mais honesto amor,
Que antes, hoje... De carinhos cheios, ainda assim é sedutor.
 
 
Nice Aranha
Sereia Noturna


ﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ             ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ
--------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ -----------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ------

terça-feira, 25 de agosto de 2009

QUANDO TE DESCOBRI


--------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ -----------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ------ --------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ----------


QUANDO TE DESCOBRI


O quê fazer se meu corpo pede o teu, minha alma a tua reclama, porque sem ela, sou apenas metade...

O quê fazer se te quero, desejo e sonho... Se sem teu jeito, fico totalmente sem rumo...

Descobri que nos vais e vens da vida, sempre eras constante... Estavas ali, triste, feliz, bem perto, distante, mas de qualquer maneira, sempre presente...

Quando me dei conta que as pernas tremiam e o coração saltava, tentei fugir, sair correndo, fui me escondendo nas vielas e becos da vida...

Tentava, brincava, sorria... Mas escondida de mim mesma permanecia...

Porém foram nos relâmpagos, que te traziam, durante estes anos todos corridos, que como bem dissestes, percebi num repente, que só fazia aumentar a vontade, a esperança...

Encontrei-me, quando outros de mim se aproximaram... Quando fostes meu primeiro e último pensamento do dia, quando me permiti confessar o quê sinto...

Quando deixei corpo e alma, juntos abertos, sinceros, aos teus braços se entregarem, no gozo etéreo e perfeito , onde nos permitimos conjugar o verbo...

No medo e desejo intenso da loucura da paixão, que se acoberta de carinho, atenção, respeito...

Se o que mais quero amor é viver deste jeito, rendida aos beijos teus...

Porque é amor!


Nice Aranha
Sereia Noturna


--------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ -----------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ------ --------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ----------

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Soldado do Ar


--------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ -----------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ------
ﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ             ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ


Soldado do Ar
(homenagem a um soldado da aeronáutica)


Pássaro sem asa,
Fera que brilha,
Serpente que não mata,
Homem que encanta.

Pelos céus desponta,
Faz das armas sua paz.
Glória e honra, sua prece,
Coração que enaltece,

O amor que ergue em brasa,
A seguir sempre a tal trilha,
Desbravando linda mata,
Terras, águas, do céu, canta!

A liberdade se levanta,
Ainda assim a ordem faz,
A vitória sim, merece,
Bravo soldado, aparece.

Em tuas lutas o mal enfrentas,
E esperanças então resgatas.
Pátria é solo mãe gentil,
Em nosso peito varonil!


Nice Aranha
Sereia Noturna


ﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ             ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ
--------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ -----------ﺊﺋﷲﻼ'ﻼﷲﺅ ------